BLOG

4 dicas para aumentar a conversão no seu e-commerce

4 dicas para aumentar a conversão no seu e-commerce

A busca por novos clientes é um grande desafio dos empreendedores. Saber como aumentar a conversão no e-commerce é, então, uma ótima oportunidade. Com o avanço da tecnologia, o comportamento das pessoas tem mudado drasticamente, principalmente na forma de se relacionar com as outras.

No contexto empresarial, a internet se tornou uma ótima ferramenta para ter maior proximidade com o público. Isso significa que é uma oportunidade de, além de trazer valor para os clientes, melhorar o resultado de vendas em uma loja virtual.

E como é possível aproveitar essa inovação nas vendas on-line? Veja quatro dicas a seguir!

1. Conheça bem o público-alvo

Quando estamos empolgados em um novo negócio, principalmente quando não temos experiência no assunto, vem a pressa de fazer vendas para qualquer pessoa. O problema ocorre justamente quando não se tem um cliente bem definido.

Por esse motivo, é preciso conhecer muito bem a audiência. Caso contrário, corre-se o risco de atrair pessoas que não têm interesse nos produtos da marca, o que atrapalha no desenvolvimento de estratégias realmente efetivas.

Uma forma de solucionar isso é estudar as principais características dos potenciais clientes. Vale a pena conhecer:

  • seus hobbys;
  • suas atividades;
  • seus comportamentos;
  • seus principais problemas.

Quando se conhecem essas características, é mais fácil definir o tipo ideal de cliente. Deve-se, então, pensar qual a melhor maneira de atrair esse público. A definição de um nicho permite melhorar a conversão na loja virtual.

2. Monitore o desempenho do site

É preciso monitorar além do funcionamento, a aparência do e-commerce. Segundo pesquisas, 85% dos consumidores abandonam o site por um design mal feito. Apesar de a criação de um negócio on-line parecer ser fácil, na prática, é muito mais complexa.

O empreendedor deve estar atento desde a escolha de cores até a forma como os itens ficarão disponíveis para os clientes. Caso contrário, os usuários podem ter a impressão de que estão caindo em um golpe, o que vai levá-lo a desistir da compra.

Para solucionar o problema, procure utilizar cores que se harmonizem entre si. A combinação de tons frios, como o azul, por exemplo, pode trazer um visual clean, enquanto as tonalidades quentes (como o vermelho) podem ser utilizadas para botões que chamem um pouco mais a atenção — mas sem exageros.

3. Recupere carrinhos abandonados

Muitos empreendedores cometem o erro de pensar apenas em atrair novos clientes para a página. O problema ocorre quando o responsável não dá o suporte necessário para atender às pessoas que já visitaram o site. A falta de comprometimento pode ocasionar o abandono de compras pelos consumidores.

Para resolver isso, é preciso entender o que motiva o cliente a tomar essa decisão. As objeções podem variar: o custo do frete, a necessidade de preencher formulários extensos ou até mesmo a desconfiança do site.

Vale verificar se há alguma opção para melhorar o custo do frete (como a empresa arcar com parte dele, por exemplo), fazer formulários que solicitem apenas informações básicas para fazer a entrega e manter o contato e usar certificados de segurança para dar mais credibilidade ao site.

4. Mostre a avaliação de outros compradores

Um comportamento comum entre os clientes é a busca de informações sobre o produto de seu interesse. As avaliações sobre um determinado objeto, comprado por outros clientes, podem incentivar o consumidor a fazer a compra.

O número de avaliações positivas, principalmente depoimentos a respeito de um determinado item, pode tirar as últimas objeções do cliente para fechar a compra.

O uso da tecnologia permite criar uma relação mais estreita com o consumidor, mas a tarefa não é nada fácil. Para ter sucesso, é essencial ficar atento aos detalhes para saber qual o público ideal que deve ser buscado e entender por quais motivos alguém desistiu da compra.

E então, o que achou deste post sobre como aumentar a conversão no e-commerce? Já conhecia o tema? Deixe sua opinião!

Voltar

Amante da Tecnologia e criador de negócios digitais desde 2009, é
formado em Ciência da Computação desde 2013. É o fundador do Grupo
Codeby, que conta com com empresas como Codeby, Socialbuy, Testby, Shoplook e Orderfy, sempre focando na globalização das mesmas.



0 Comments


Venha nos contar sua opinião!

Leave a Reply

Posts relacionados